Tendência de Tecnologia

NVIDIA Volta: novidades sobre a placa de lançamento

nvidia tesla
Escrito por HD Store

Quando se trata de placa de vídeo para PC, as opções variadas de GPUs poderosas da NVIDIA é inigualável. Os gráficos 4K potentes da GeForce GTX 1080 Ti para o nível de entrada GTX 1050 fazem a NVIDIA continuar a ser o padrão ouro. No entanto, os jogadores estão constantemente exigindo os mais altos níveis de fidelidade gráfica e as empresas de tecnologia e pesquisadores exigem maior capacidade de computação e inteligência artificial. Assim, o padrão para as melhores GPUs continua crescendo e crescendo. E é por isso que a NVIDIA está desenvolvendo sua nova geração de arquitetura de GPU: a NVIDIA Volta.

Desenvolvimento da NVIDIA Volta

A NVIDIA lançou dois chips Volta em 2017, mas eles eram voltados para cientistas e artistas profissionais. No entanto, esses chips são extremamente caros, pois não são destinados a jogos. Não espere vê-los nem mesmo nos melhores PCs para jogos. Ainda assim, estamos nos divertindo para ver como serão as próximas placas GeForce GTX. Fora a expectativa do enorme salto de desempenho que esperamos obter.

Pensamos em obter algumas informações na conferência de tecnologia de GPU da NVIDIA, mas isso se concentrou quase que inteiramente na IA (inteligência artificial) e na tecnologia de carros autônomos. Teremos que esperar um pouco mais por um anúncio da GeForce.

No entanto, da maneira como as coisas estão se desenvolvendo, não esperamos ver chips GTX com tecnologia Volta logo. A arquitetura parece ser praticamente construída em torno de casos de uso da IA. E, mesmo que a NVIDIA esteja perdendo tempo devido ao preço e à escassez de VRAM, a Turing é a arquitetura que acreditamos ser a verdadeira série GeForce GTX 11.

Ansioso por um upgrade? Aqui está tudo o que ouvimos até agora.

Direto ao assunto

O que é? Linha de GPU de 12nm de próxima geração da NVIDIA;
Quando sai? O Tesla V100 e Titan V estão no mercado agora, mas as placas GeForce estão sem previsão;
Quanto vai custar? A ser confirmado.

Data de lançamento da NVIDIA Volta

Como mencionado, a arquitetura Volta da NVIDIA já está no mercado. Embora não seja de nenhuma forma que você possa colocar no seu PC de jogos, infelizmente. O Tesla V100 foi lançado em maio de 2017, como uma GPU de nível profissional criada para capacitar aplicativos de inteligência artificial e ajudar a administrar data centers. Não é um dispositivo de nível de consumo por qualquer extensão da imaginação.

Por outro lado, a NVIDIA Titan V – lançado em dezembro de 2017 – é considerado um dispositivo de consumo. Mesmo assim você pode zombar do preço de US $ 2.999 (cerca de R$10.156). O Titan V é voltado para pesquisadores e outras necessidades de computação de alto desempenho, não visando jogos.

Mas se você está procurando por uma nova placa gráfica, será possível comprar uma novíssima GeForce GTX 1180 em breve? Honestamente, não temos certeza. A linha da série GTX 10 foi anunciada em maio de 2016 e começou a ser lançada naquele mês. Por isso estamos nos aproximando da marca de dois anos desde que os chips da NVIDIA com o Pascal foram lançados pela primeira vez. Mas eles ainda estão vendendo como loucos, especialmente com a atual tendência de criptomoeda.

Além disso, o chefe da NVIDIA, Jensen Huang, afirmou em agosto passado que ainda é muito caro produzir placas gráficas para jogos ao consumidor a preços razoáveis. Dado que não vimos nenhum anúncio da GeForce na CES 2018 em janeiro, e desde que o Titan V acaba de lançar esse preço estonteante, parece inteiramente possível que a NVIDIA não vá apressar as GPUs de jogos voltadas para a Volta em breve.

Esperamos vê-los ainda em 2018. Entretanto, nossa expectativa original de uma estreia na primavera não parece muito firme, e não há rumores sólidos ou vazamentos suficientes para apontar neste momento.

Preço

Sem previsão de lançamentos, não podemos dizer o que esperar dos preços das placas gráficas GeForce GTX da Volta. O preço do Titan V não deve assustá-lo, já que o chip nunca foi destinado a jogadores. Por outro lado, se as GPUs movidas a força de troca ainda fossem caras demais para serem produzidas para placas gráficas há alguns meses, quanto tempo levará até chegar a um ponto em que a NVIDIA considere valer a pena vendê-las?

Até lá, podemos olhar para os pontos de preço base para a linha atual de 10 séries. Mesmo que você possa encontrar preços muito mais altos devido ao boom da criptomoeda.

NVIDIA Titan Xp – $ 1,200 (R$ 4063,92)
NVIDIA GeForce GTX 1080 Ti – $ 699 (R$ 2367,23)
NVIDIA TX 1070 Ti – $ 449 (R$ 1520,58)
NVIDIA GTX 1080 – $ 599 (R$ 2028,57)
NVIDIA GTX 1070 – $ 379 (R$ 1283,52)
NVIDIA GTX 1060 – $ 199 (R$ 673,93)

Nós teremos que esperar e ver se a NVIDIA lançará uma série similar de chips baseados em Volta. Além de se eles terão algum aumento de preço significativo dos pontos iniciais de 10 séries.

Dado que os preços das placas gráficas NVIDIA Pascal chegaram a um preço um pouco mais alto – coincidindo com o aumento do desempenho – em relação aos cartões Maxwell que eles substituíram. Assim, podemos imaginar que essas peças da série 11 poderiam ser mais caras.

Especificações Nvidia Volta

O Volta introduz um novo processo de fabricação de 12 nanômetros, que marca um avanço significativo em relação ao processo de 16nm visto nas GPUs Pascal.

O que exatamente isso significa?

Bem, isso significa que o parceiro de fabricação da NVIDIA, o TSMC, pode compactar muito mais transistores em uma quantidade comparável de espaço, gerando assim um grande aumento na capacidade de computação. Você terá melhor desempenho, sem mencionar a economia significativa de energia.

O Titan V embala 21,1 bilhões de transistores, que coletivamente fornecem impressionantes 110 teraflops de poder de computação. Os novos núcleos tensoriais são projetados para acelerar a capacidade de aprendizagem profunda, com nove vezes mais teraflops de computação de pico sobre o chip Titan Xp anterior. E é duas vezes mais eficiente em termos energéticos.

Além disso, o Titan V tem seis clusters de processamento gráfico com 5.120 núcleos CUDA (acima de 3.840 no Titan Xp) e 320 unidades de textura, e um clock base de 1200MHz que pode aumentar até 1455MHz. Com 12GB de memória HBM2 a bordo, o Titan V possui uma largura de banda de memória de 652.8GB / seg.

O último bit no lado das especificações é surpreendente da NVIDIA. Apenas no ano passado conseguiu a velocidade aprimorada da memória GDDR5X em suas GPUs high-end.

A NVIDIA Titan V é a primeira placa principal a contar com alta largura de banda de memória, fora das peças Quadro e Tesla da empresa. 

Tudo isso é uma atualização potencialmente enorme sobre a última geração de placas NVIDIA.

Comparações

Mas vamos voltar por um momento, porque tudo o que podemos fazer agora é comparar uma placa gráfica de US $ 2.999 (R$10156,41) ao chip de US $ 1.200 (R$ 4063,92) que veio antes dela – e nenhuma dessas figuras nos dá uma boa noção do que realmente veremos os chips mais baratos da GeForce que acabam vindo em nossa direção. Provavelmente, obteremos versões reduzidas da NVIDIA Titan V a preços mais baixos. Então para que elas não atinjam o mesmo tipo de pico que seu progenitor é capaz.

Mesmo assim, a promessa de aumentar drasticamente o desempenho no topo sugere que veremos tipos semelhantes de melhorias nos pontos de preço mais acessíveis. E se assim for, então a série GTX 11 realmente deve fornecer melhorias drásticas na produção gráfica. Devemos levar os jogos em 4K mais perto do ponto ideal de 60 quadros por segundo. Assim, enquanto versões mais baratas devem ter mais capacidade de desempenho suave de VR e suportar resoluções de mais de 1080p.

Mas com base nessas versões iniciais de nível profissional, o Volta parece capaz de muito mais do que as GPUs anteriores com processadores Pascal. Mesmo que sejam muito poderosas hoje em dia, Volta parece pronto para elevar os jogos de PC a níveis inéditos. Manteremos você atualizado conforme mais detalhes ou vazamentos surgirem. 


Fonte: texto traduzido de “Nvidia Volta release date, news, and features” do Techradar.

Sobre o autor

HD Store

1 comentário

  • Se houver real ganho de desempenho, será bom uma Geforce GTX 1170 com desempenho de uma Geforce GTX 1080, mas torço para que as placas de video Navi (AMD) bata de frente com essa linha assim veremos o preço da linha 1000 abaixar (no caso nos EUA) mas no Brasil acho difícil, vamos esperar por essas belezinhas da linha 1100, talvez pegue uma GTX 1150

Deixar comentário.

Share This