Internet das Coisas Tendência de Tecnologia

A Inteligência Artificial está remodelando sistemas de telecomunicações

Inteligência Artificial
Escrito por HD Store

À medida que as tecnologias emergentes continuam a impulsionar o desenvolvimento e a implantação da Inteligência Artificial (AI) ​​vinculada à Internet das Coisas (IoT) e ao EDGE, as empresas de telecomunicações precisam garantir que sua infra-estrutura de rede esteja pronta para acomodar as demandas desses aplicativos. Com o 5G no horizonte, aqueles que já estão inovando e trabalhando com parceiros para adaptar e adotar tecnologias emergentes baseadas em Inteligência Artificial, como aplicativos de reconhecimento de voz e chatbots com AI, podem se posicionar para aproveitar um novo mercado pronto para um crescimento substancial.

Como a Inteligência Artificial se funde com as telecomunicações

Há muitas maneiras diferentes da Inteligência Artificial ser usada para melhorar a interconectividade e o desempenho do dispositivo IoT e os aplicativos de telecomunicações relacionados.

Por exemplo, 39 milhões de americanos têm agora algum tipo de alto-falante inteligente em casa. Os especialistas preveem que esse número continuará a crescer. Os proprietários de imóveis continuarão a adotar dispositivos mais “inteligentes”, como termostatos, refrigeradores e sistemas de segurança, os quais podem compartilhar informações.

Smart Home

A Inteligência Artificial pode tornar esses produtos ainda mais eficazes. Por exemplo, talvez sua programação diária seja alterada durante a semana. Assim, você pode ser o tipo de pessoa que insere compromissos regularmente no telefone, no tablet ou na agenda do computador. Se esses dispositivos estiverem conectados a um alarme inteligente, os aplicativos habilitados com AI poderão procurar padrões e definir o alarme matinal ideal para você, economizando tempo.

A Inteligência Artificial tende a se tornar mais útil “aprendendo” com as experiências. Isto é, analisando uma variedade de entradas de dados de sua rotina diária, um aplicativo habilitado com AI pode calcular quanto tempo você levaria para concluir sua rotina matinal e viajar para o seu destino, desta forma escolhendo o momento perfeito para acordá-lo.

Também pode preparar seu ambiente para o dia aprendendo sobre seus hábitos. Você acordaria com o café já preparado, o ar-condicionado ou o aquecedor já estaria de acordo com sua preferência e um lembrete digital para completar os próximos itens da sua lista de tarefas.

 

Melhorando as experiências dos usuários de telecomunicações

Inteligência Artificial faz tudo isso e mais um pouco. As casas inteligentes não são o único exemplo de fusão de produtos baseados em AI e telecomunicações.

A Inteligência Artificial pode ajudar os provedores de telecomunicações a aprender mais sobre o comportamento de cada cliente individual. Permitindo que eles ofereçam pacotes de serviços personalizados para as necessidades específicas de um cliente. A Inteligência Artificial também pode monitorar o desempenho da rede de comunicações e identificar ineficiências, otimizando a rede com base em como os clientes a utilizam.

Isto será em breve muito importante. Uma vez que, casas inteligentes, cidades inteligentes e muitas outras inovações na EDGE vão impor uma carga maior às redes de telecomunicações no futuro próximo. Embora a Inteligência Artificial aumente a demanda por redes confiáveis, ela também ajudará a facilitar o crescimento, a funcionalidade e a viabilidade dessas redes.

Atualmente, os provedores de telecomunicações devem estar profundamente envolvidos nas fases de investigação, análise e teste, pois determinam a amplitude das maneiras pelas quais precisarão alavancar a Inteligência Artificial tanto no curto prazo quanto no futuro distante.


Fonte: texto traduzido de Blog Seagate.

Sobre o autor

HD Store

Deixar comentário.

Share This